O que é

Histórico

Seções

Vídeos com usuários

Contato

Bibliografias

Baixar o Ritmáximo

Agradecimentos

Artistas e parceiros

 

 

O que é

O sistema Ritmáximo, criado pelo professor Fernando Guilhon, é um programa destinado ao desenvolvimento do conhecimento musical de pessoas com deficiência visual.

 

Histórico

Em 2014, quando começou a dar aulas de música no Instituto Benjamin Constant, o professor Fernando Guilhon realizou com as crianças do primeiro ano do ensino fundamental uma atividade de discernimento de ritmos. A prática funcionou tão bem que, ao final de cada ano, os meninos eram capazes de reconhecer entre 10 e 12 ritmos diferentes.

O desejo de fazer com que esta atividade não ficasse restrita a sua prática foi o que motivou o professor a criar o Ritmáximo. Inicialmente, o software contaria apenas com um jogo no qual o usuário tivesse que ouvir um determinado ritmo e saber qual seria este ritmo (tal e qual a atividade aplicada em sala). Depois, foram surgindo ideias para criar outros jogos e seções que trouxessem mais conhecimento musical a quem fosse brincar com o Ritmáximo.

Em 2018, o professor Fernando Guilhon ingressou no mestrado profissional da UNIRIO (PROEMUS), onde pôde desenvolver e finalizar – em agosto de 2019 – a primeira versão do Ritmáximo. A viabilização do sistema foi possível graças ao trabalho do analista de sistemas Marcelo Chiarella, que tornou realidade todas as ideias do professor Fernando Guilhon. A linguagem de programação utilizada na produção do Ritmáximo foi o C#.

 

Seções

Atualmente, o sistema Ritmáximo possui as seguintes seções:

- Jogar – dividida em três jogos, que são:

- Percebendo Ritmos;

- Percebendo Instrumentos; e

- Gravando seu Som

- Conhecer os Ritmos;

- Conhecer Instrumentos;

- Conhecer Artistas; e

- Ajuda

 

Os jogos “Percebendo Ritmos” e “Percebendo Instrumentos” desafiam o usuário a saber quais ritmos e/ou instrumentos, respectivamente, estão sendo tocados em determinado trecho musical. 

No jogo “Gravando seu Som”, o usuário pode escolher três instrumentos de uma lista e tocar um pequeno trecho musical utilizando algumas teclas do computador em andamentos e compassos variados.

Nas três seções "Conhecer...", o usuário pode obter informações sobre ritmos, instrumentos e artistas da música brasileira.

Por último, a seção “Ajuda” dá informações básicas aos usuários de como interagir melhor com o software. Pressionando a tecla "F1", ele é automaticamente levado a esta seção.

 

Vídeos com usuários

O momento de testar o Ritmáximo com os alunos do Instituto Benjamin Constant foi o de maior expectativa. Afinal, o programa foi feito para eles. Nos vídeos a seguir, é possível ter uma ideia de como foram essas experiências. Praticamente todos os registros são do primeiro momento que as crianças interagiram com o sistema.

 

Contato

Para contactar nossa equipe, fazendo críticas, sugestões ou elogios, envie um email para: fguilhon@hotmail.com

 

Bibliografias

Se você gostou dos exemplos musicais e entrevistas presentes no Ritmáximo e deseja saber mais sobre eles, acesse o link a seguir. O documento para o qual você será direcionado(a) traz todas as informações sobre os arquivos de audio do programa.

Dados dos áudios do Ritmáximo

 

Baixar o Ritmáximo

ATENÇÃO! O Ritmáximo NÃO funciona em telefones celulares e/ou tablets; somente em computadores - desktops ou laptops/notebooks - com sistema operacional Windows (versão 7 ou superior).

É possível que seu antivírus proíba o download e/ou a execução; escolha as opções que permitam que você possa abrir o programa.

Para baixar o Ritmáximo, clique aqui.

 

Agradecimentos

Antes de qualquer coisa, reitero que dedico este trabalho a todos os meus alunos e ex-alunos com deficiência visual do Instituto Benjamin Constant, pois eles são a razão primeira da existência dessa produção.

Acrescento que este produto não seria possível sem a colaboração de muitos amigos, colegas e parceiros, alguns de diferentes partes do mundo e com os quais nunca sequer estive pessoalmente.

Começo agradecendo aos locais que foram os grandes acolhedores de meu projeto: 

- A Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) e seu Programa de Mestrado Profissional em Ensino das Práticas Musicais (PROEMUS), do qual fui aluno e onde pude estudar para desenvolver o sistema; e

- O Instituto Benjamin Constant (IBC), escola especializada no atendimento de alunos com deficiência visual, onde sou servidor desde 2014. Foi lá que nasceu a ideia de criar o Ritmáximo.

São também muitas as pessoas que estiveram presentes em algum momento deste projeto:

- Meu orientador, Afonso Claudio Segundo de Figueiredo, que do início à conclusão me ajudou a conduzir a pesquisa de forma tranqüila, bem humorada e construtiva;

- Os membros da banca examinadora: professora Ana Letícia Barros (IVL – UNIRIO), professor José Antonio Borges (NCE – UFRJ) e professor Rodrigo Serapião Batalha (EM – UFRJ), que trouxeram sugestões e considerações muito ricas ao trabalho, além de sempre se mostrarem disponíveis quando precisei solicitá-los;

- O amigo de tanto tempo Marcelo Chiarella, responsável pela programação do software, tornando possível na prática essa ideia tão complexa;

- Os colegas do IBC Ana Cristina Hildebrandt, Arlindo Fernando de Carvalho Jr., Bianca Della Libera, Camila Souza Dutton, Caroline Camargo, Claudia Maria Sant’Anna, Fabiana Rangel, Ivan Finamore, Joana de Cássia Araújo, Luciana Barros, Marcelo Lemmer, Marcia Gabriela Ogando, Maria da Penha das Vestes, Rachel Maria Moraes, Rachel Ventura, Rafael Dutton, Regina Kátia Cerqueira, Vanessa França da Silva e todos os outros que de alguma forma me ajudaram em diversos momentos;

- Os amigos Adriana Rodrigues, Álvaro Figueiredo, Antonio Portugal, Armando, Carlos Henrique Cavalcanti, Clarisse Fukelman, Fabiano Salek Leite, Itamar Bento Claro, Jaqueline Soares, Leandro Arraes, Leonardo Batista, Leonardo Pagani, Nara Improta, Phelipe Henriques, Renata Pereira, Rodrigo Rocha e Tairony Novais;

- Os responsáveis dos primeiros alunos a testar o Ritmáximo

 

Artistas e parceiros

Atualmente contamos com excelentes músicos instrumentistas no Brasil e no mundo. São pessoas cujos trabalhos muitas vezes não são difundidos pela grande mídia, mas que basta uma rápida procura na internet para que possamos conhecer um pouco dos seus trabalhos. 

Em minhas buscas pelo YouTube, pude conferir essa realidade, trazendo para algumas seções do Ritmáximo um pouquinho do que esses artistas vêm produzindo.

Na seção “Bibliografias” é possível conferir os trechos de áudios utilizados no sistema, mas a seguir está a lista de intérpretes – alguns com contatos – que deram cor especial ao trabalho:

 

- Baixistas:

Bruno Tauzin 

Fabio Lima 

Henco Hendrix

Luiz Chaves

 

- Bateristas:

Craig Blundell 

Éder Medeiros 

Guto Bass 

Kristina Schiano 

Renzo Sartori



- Guitarristas:

Alex Hutchings

Cole Rolland 

Eleonora Loi 

Maximiliano Santhiago

Tiago de Bem 

 

- Pianistas:

Anna Stella Chic

Carla Reis 

Éder Tavares 

Glenn Gould

Kathryn Stott 

Lucia Barrenechea 

Luiz De Simone 

Maria Teresa Madeira 

Nicola Tenini 

Rodrigo Lana 

Vladimir Horowitz

 

- Sanfoneiros:

Beto Malheiros 

Estêvão Ewald 

Gustavo Beltrão 

Yuri Gonzaga

 

- Violinistas

Anand Placido 

Arianna Mazzarese 

Braimah Kanneh-Mason 

David Garrett 

Deborah Hinte 

Frida Maurine 

Itzhak Perlman

Kaja Dankzowska

Leonardo Casilhas

Marcela Isabelle

Rayssa Melo

Ricardo Herz

Salvatore Accardo

 

- Violoncelistas

Anna Comellas

Aurore Dassesse 

Camila_Hessel 

Constandinos Boudounis

Hugo Pilger 

Mischa Maisky 

Ophelie Gaillard 

Sheku Kanneh-Mason

Yo-Yo Ma 

 

- Violonistas:

Artur Gouvêa 

Breno Fonseca 

Danilo Oliveira 

Fabio Lima 

Leonardo Rodrigues 

Maicon Rocha

Rosalind Beall 

Tobias Kemerich 



- Site Parceiro:

Cordas e Música – Projeto Musical 




 

Copyright © 2019